Tá muito caro fazer dieta!!!

Você já ouviu esta frase? Ou já falou esta frase? Provavelmente sim. Eu mesma já disse muitas vezes, e não estava totalmente errada.

Há tantos produtos nas prateleiras dos mercados fit, light, diet, sem gorduras, low carb, sem glúten, que quando tentamos fazer dieta logo desanimamos por conta dos preços.

Mas a verdade é que acabamos gastando muito porque procuramos alternativas pras “gordices” e estas alternativas tem o preço bem salgado!

Em abril desse ano fui na nutricionista Kamylla Garbuio e ela é adepta a uma alimentação natural, comida de verdade.

Logo na primeira dieta que ela passou, segui  a risca e ficou muito barato fazer dieta. Se você esquecer a maioria dos produtos industrializados, comprar comida de verdade é super econômico.

shutterstock_370429847-2-2.jpg

Pra montar marmitinhas (dentro das quantidades estipuladas por ela), com proteína, carboidrato e legumes, para a semana toda no almoço e jantar, tive um gasto de menos de R$ 5,00 por marmita. E se em outras refeições (café e lanchinhos) você manter a dieta com comida (ovos, frutas, aqueles salgados “maromba”), ainda assim é muita economia. E compensa, porque deu resultado (no peso e no bolso).

O maior problema é quando vamos para estas lojas de produtos naturais! Tem muita coisa legal, saudável, porém caro. Separei alguns produtinhos que, se você quiser gastar um pouco mais, valerão a pena:

Xilitol ou Eritritol

São adoçantes naturais, assim como a Estévia. Só que estes não deixam gosto nenhum. O problema é que por serem “novos” no mercado, eles são caros. Custam em média R$40,00 para apenas 300 gr de adoçante. Mas nada como a internet pra ajudar a gente a descobrir as coisas. Existe um site – BIOVEA – que importa alguns produtos dos Estados Unidos, e o Xilitol sai por R$17,05 na embalagem de 454 gr. Chega em aproximadamente 3 semanas e nunca fui taxada.

XILITOL.jpg

Salgados Maromba

Já demos a receita aqui no blog (clique aqui), mas tentei fazer um de abóbora cabotiá e deu ruim hahaha! Se você tem a mão boa pra cozinha vale a pena tentar. Senão, existem algumas empresas que fazem esses salgados de maneira saudável.

Por indicação da nutri e de uma amiga, comprei uns salgados congelados deles e são realmente saborosos. Tem as opções low carb, proteicas… Os preços são justos, pelo tamanho, sabor e qualidade. Como disse no começo, fazer em casa é sempre mais econômico, já para comprar você irá desembolsar alguns dinheiros… A pizza proteica, por exemplo (com massa de frangos, ovos e queijo) custa R$ 12,00 em 170 gr. Os salgados low carb (couve-flor+frango) custam R$ 20,00 (6 unidades de 50 gramas cada).

Pão de forma sem glúten

Comer pão é uma dificuldade quando sua nutri tira o glúten :_(

Por usarem outras farinhas que não vem do trigo, muitos deles são “farelentos”. Existem pelo menos 2 marcas que, se você quiser gastar R$ 20,00 no pacotinho de pão, valem a pena. Ou então, desiste do pão e parte para o pão “fake” (feito com ovo+farelo de aveia na frigideira).

São eles: Honesto Australiano (pra fazer de conta que você tá comendo aquele pãozinho do Outback) e os da marca Schär.

HONESTOAUSTRALIANO.jpg

Sobremesas

Pra quem é formiga, sabe que essa parte é a mais difícil na hora de fazer dieta. Então cuidado e leia as embalagens! Por mais que um produto seja zero açúcar, ele contém outros ingredientes e calorias que podem te atrapalhar. Fique de olho no produto pra saber como ele foi adoçado e qual a quantidade de carboidratos dele. Mas na hora do aperto, sempre existe algumas opções:

arabian-dates-500x500
Tâmaras secas. São conhecidas como o mel das frutas. Super docinhas, são uma opção saudável, pois contém minerais e vitaminas. MÃÃÃÃS são calóricas. Numa dieta de emagrecimento é bom evitar (até porque é difícil comer uma só). 100 gramas têm 282 calorias e 75 gramas de carboidratos. 
13339455_1741177199487866_3920548280629913391_n
Bolos de pote da Integralle. São MARAVILHOSOS no sabor e adoçados com xilitol, feito com farinha de amêndoas, ovos… Só que um potinho inofensivo, tem aproximadamente 50 gramas de carboidrato (o que é muito para quem tá numa dieta restritiva). Então, tentem pelo menos não comer o pote todo de uma vez (como eu já fiz ahahaha0. Custa R$ 18.

 

 

original blend.jpg
Pastas da Original Blend. Existem opções com açúcar e sem açúcar. A pasta de macadâmia + coco e castanha de caju cremosa é muito boa e não contem glúten, nem lácteos e é zero açúcar. O pote de 190 gr custa R$ 37,00 e o sachê com 20 gr custa R$ 7,50. O bom dos preços altos é que a gente manera na hora de comer, porque um sachê, por exemplo, tem 6,5 gramas de carbo. Se comer muito, já sabe… engorda!

Tem mais algum produtinho que você indicaria? Ou prefere abrir mão destes sabores e ficar com o sabor real dos alimentos e partir pra uma alimentação natural? Conta pra gente 🙂

Anúncios

Mousse de chocolate Vegano – Yasmin Brunet

12724964_177812149271303_1028180287_n

Pra quem curte uma sobremesa, mas quer ser fit, segue a receita que a modelo Yasmin Brunet passou no seu instagram:

Esse é o mousse mais saudável e delicioso que você vai comer na vida!!!! Super fácil e rápido de fazer🙌 eu gosto de fazer ele com Avocado (aquele pequeno) ao invés de Abacate porque é mais amanteigado e saboroso. Mas se você só tiver abacate não tem problema! Fica delicioso igual 🍴🍩
Essa receita não tem medida certa. Eu normalmente faço 1 avocado por pessoa. Lembrando que ele é o abacate menor. De resto é tudo a gosto. Você pode acrescentar nozes, avelã, chia (para mais proteína)… Você vai precisar de:


Avocado maduro
Cacau
Óleo de coco
Agave, tâmaras, melado (opcional para adoçar)


Bata tudo no processador! Para bater no liquidificador tem que usar um pouco de leite vegetal (gosto do de amêndoa). Aí fica mais fácil de bater, se você bater sem leite o liquidificador não bate!
Fácil assim! Vai ser o melhor mousse/pudim que você vai comer na vida! Se fizer essa receita poste com#MousseVegano #ReceitaDaYa 💚🙌🏼✨

2 dicas para a sua dieta dar certo!

Todo dia surge uma dieta nova, uma promessa diferente para emagrecer, cardápios e produtos que são zero isso e zero aquilo, mas no fim das contas a balança continua a mesma!

Vamos dar 2 dicas básicas que vão te ajudar a ter resultados!

1 – BEBA MUITA ÁGUA

Essa é aquela dica que todo mundo sabe que precisa fazer, mas acaba deixando de lado. A nutricionista Natália Filla Moraes Vieira explica:

A água é essencial para o bom funcionamento do metabolismo, por isso, a hidratação do organismo é fundamental. Não se esqueça da hidratação: A maioria das reações metabólicas em nosso corpo ocorre em meio aquoso, por isso, a hidratação do organismo é fundamental. Além disso, a água contribui para a melhora da circulação e eliminação das toxinas do nosso corpo (auxiliando na prevenção de celulites, melhora da unha, hidratação da pele e cabelo, entre outros benefícios). Sem esquecer também do intestino: para melhorar seu funcionamento a ingestão adequada de água é fundamental. Pelo menos, 2 litros/dia.

Ou seja, talvez só com essa dica seu metabolismo irá funcionar muito melhor e você verá resultados. Se assim como eu você esquece de beber água, a dica é: tenha uma garrafinha de 700 ml, e tente beber uma de manhã, uma tarde e uma a noite. Comecei a fazer isso e é impressionante como se você ficar sem água, vai sentir falta.

13225256_10209563748437353_2047976532_o

2 – ALIMENTAÇÃO COLORIDA

prato-colorido1.jpg

Pra quem já viu aquele programa da GNT “Socorro, meu filho come mal” esse é um dos mandamentos que as crianças precisam aprender: ter pelo menos 5 cores no prato. Na correria do dia-a-dia, e a facilidade dos fast-foods, a gente acaba optando por alimentos sem nutrientes e nada saudáveis. Uma alimentação colorida significa ingerir nutrientes necessários para a saúde do corpo, e segundo meu médico Dr. Jan Walter Stegmann, infectologista, essa dica faz parte para melhorar a imunidade do corpo.

Alimentos brancos: são as maiores fontes de cálcio e potássio como arroz, batata, couve-flor, cogumelo e leite.

Alimentos verdes: ricos em vitamina A, responsável pela desintoxicação das células e proteção do coração. Além disso, os verdes também têm efeito anticancerígeno e auxiliam na saúde do cabelo e pele. Portanto, o pimentão, salsão, couve-flor, ervas e vegetais folhosos não podem sair do prato.

socorro-4-muffin-espinafre-385
Muffin de espinafre e queijo

Alimentos amarelos e alaranjados: Cenoura, pimentão, milho e ovos são compostos principalmente por betacaroteno, um importante antioxidante, e também contribuem na saúde da pele, manutenção das mucosas e imunidade. São essenciais para a visão: previnem contra a degeneração da retina, cegueira e catarata. Já as frutas como mamão, laranja, manga, tangerina, maracujá, banana, abóbora e pêssego são ricas em ácido clorogênico e vitamina B-3, que mantêm o sistema nervoso saudável e previnem o câncer de mama. As frutas cítricas amarelas possuem hesperidina, substância anti-inflamatória, antialérgica e que auxilia na ativação da circulação.

chips-batata-baroa-620.jpg
Chips de batata-baroa

Alimentos amarelos como macarrão, polenta e frituras não se enquadram nestes benefícios nutricionais, e devem ser consumidos com parcimônia.

Alimentos marrons: Feijão, castanhas, cereais integrais, nozes e aveias são compostos de muitas proteínas, ferro, fibras e vitaminas do complexo B e E, que combatem ansiedade e depressão, auxiliam o funcionamento do intestino e previnem doenças cardiovasculares e câncer.

Alimentos vermelhos: tomate, pimenta, pimentão, beterraba, maçã, morango e framboesa são alguns dos vermelhos indispensáveis, constituídos de muito licopeno, um antioxidante que auxilia na prevenção do câncer e na eliminação de toxinas que prejudicam o metabolismo, a renovação celular e provocam a retenção de líquidos. Também possuem antocianina (estimula a circulação sanguínea e combate a depressão e sensação de cansaço), além de serem termogênicos (aceleram o metabolismo) e ricos em fibras solúveis (melhoram o funcionamento do intestino e causam sensação de saciedade).

beterraba.jpg
Estrogonofe de beterraba

Alimentos coloridos e de verdade (sem corantes e nada industrializados) vão trazer benefícios pro seu corpo e como consequência, se utilizados em quantidades certas, ajudarão na perda de peso!

Comidinhas pra comer sem culpa!

Tudo que é bom ou faz mal ou engorda, certo? Nem sempre…

Nos últimos anos a preocupação com a saúde e com uma boa alimentação tem aumentado, e as empresas tem não só percebido isto, como tem oferecido opções com menos gorduras, menos química e tem muita coisa boa…

Selecionamos alguns produtinhos que valem a pena experimentar!

Sucos Funcionais

O suco verde é bem famoso, mas às vezes rola aquela preguiça de descascar o abacaxi, ou então você compra a couve e por falta de tempo acaba estragando. Ou então você enjoa do mesmo sabor e desiste de tomar suco! Algumas empresas tem preparado sucos funcionais e com maior praticidade!

Le Bio Sucos

Este slideshow necessita de JavaScript.

Meu Suco Press

12417804_158375534530554_6134288344516880778_n
Suco prensado a frio.

Blissimo

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sobremesas funcionais

Quem ama doce sabe o quanto é dificil deixá-los de fora da dieta. Mas quando os doces são feitos com produtos mais saudáveis, dá pra comer sem culpa! Só não vale exagerar, porque mesmo os mais “fit” tem calorias.

Santé LK

Este slideshow necessita de JavaScript.

EAT Alimentos Saudáveis

Este slideshow necessita de JavaScript.

Flormel

Este slideshow necessita de JavaScript.

Snacks Saudáveis

Tem dias que a gente não quer comer uma fruta, uma barrinha, 3 castanhas (que não enganam nem um pouco a fome). A gente pensa logo num doritos, mas aiiii dá pra recorrer a outros snacks assados e saudáveis.

Este slideshow necessita de JavaScript.

E você, tem alguma dica de comidinha boa e saudável pra indicar pra gente??

#SEMGLUTEN #SEMLACTOSE #SEMMIMIMI

É engraçado como algumas coisas que nunca soubemos que existiam, hoje são vilões quando se trata de alimentação. Mas antes de entrar nas dietas malucas, restringir tudo que é alimento e viver a base de alface, o melhor é se informar e saber o que faz e o não faz bem pro seu organismo!

gluten

Glúten!

O Glúten é resultado de uma mistura de proteínas encontrado no trigo, na cevada, aveia, centeio, malte etc. Pessoas portadoras da doença celíaca, por exemplo, têm uma hipersensibilidade ao glúten, que pode ser resultado de uma alergia ou de intolerância ao glúten. Nestas pessoas o glúten provoca danos na mucosa do intestino delgado, impedindo uma digestão normal. Por isso é preciso eliminar o glúten da dieta e em algumas semanas ou meses o intestino volta a funcionar normalmente.

Lactose!

A lactose é um açúcar presente no leite e seus derivados. Porém algumas pessoas têm intolerância à lactose, podendo ser genética ou surgir decorrente de alguma situação (como cirurgia intestinal, infecções no intestino, vírus etc). Diferente da intolerância à lactose, a alergia à proteína do leite afeta em torno de 2% e 7,5% de crianças e é definida como uma reação adversa contra antígenos do leite de vaca. Na alergia ao leite, o sistema imunológico identifica as proteínas do leite de vaca como um agente agressor, o que ocasiona diarreia, gases, cólicas, distensão abdominal etc.

Quando uma pessoa é intolerante ou tem alguma alergia seja ao glúten, à lactose, à proteína do leite, esse tipo de alimento é restringido da alimentação. Com isso começaram a surgir algumas dietas, e alguns alimentos no mercado também, sem glúten e/ou sem lactose, com o objetivo final de emagrecimento.

O que é importante saber é que qualquer dieta restritiva pode causar danos à sua saúde, se não for orientado por um profissional.

Confira a reportagem do Bem Estar com dicas importantes sobre o assunto.